Página Inicial / Notícia / Política

Vereadores governistas compõem chapa para presidência do Legislativo santanense com aprovação da prefeita Maria José

A coligação governista elegeu seis dos nove vereadores da câmara municipal.

17/12/2020 - João Rodrigues

Vereadores Marcos Vinícius, Clarete Rabelo e Francisquinho / Foto: João Rodrigues

Os vereadores eleitos e reeleitos no pleito municipal do último dia 15 de novembro, pela coligação “Santana Melhor para Todos”, formada pelo Progressistas, PTB e MDB, encabeçada pela prefeita reeleita Maria José (Progressistas), e diplomados nesta quinta-feira (17), pela Justiça Eleitoral, lançaram chapa para a presidência da mesa diretora da câmara municipal de Santana do Piauí. A eleição para a presidência do Legislativo santanense está prevista para 1º de janeiro de 2021.

A coligação governista elegeu seis dos nove vereadores da câmara municipal.

De acordo com vereadores governistas, a chapa para concorrer à presidência da mesa diretora da câmara, biênio 2021/2022, tem a seguinte formação: Presidente Marcos Vinícius (MDB), vice-presidente, Clarete Rabelo (Progressistas) e 1º secretário, Francisquinho (Progressistas).

De acordo com o candidato Marcos Vinícius, a chapa foi formada em consenso e os demais membros da mesa diretora serão conhecidos em breve.

Marcos Vinícius

“Nos reunimos e chegamos a um consenso, para a formação da chapa governista. Eu, Clarete e Francisquinho para as funções de presidente, vice e secretário, respectivamente. Os demais colegas vão compor as comissões especiais”, confirmou o parlamentar.

Sobre o apoio da prefeita reeleita Maria José (Progressistas), à chapa de situação, Marcos Vinícius admitiu a coesão da gestora, no entanto, segundo ele, a progressista não interferiu na formação da mesma.

“A prefeita disse que apoiaria qualquer um do grupo. Ela disse que qualquer nome de consenso do grupo também teria seu apoio”, afirmou o emedebista.

No último dia 15 de novembro, Marcos Vinícius foi reeleito para seu segundo mandato parlamentar. Em sua primeira legislatura, o emedebista esteve secretário e vice-presidente da casa, além de presidente da comissão de finanças da câmara.

De acordo com Marcos Vinícius, uma vez na presidência da casa legislativa santanense, irá provocar diálogo com todos os legisladores, governistas e oposicionistas. Para ele o diálogo na casa é importante para a aprovação de projetos para o desenvolvimento do município.

O candidato a 1º secretário da mesa diretora da câmara municipal de Santana do Piauí, Francisco Carvalho, o Francisquinho (Progressistas), a partir de janeiro de 2021, assumirá um segundo mandato na casa legislativa. O progressistas legislou de 2013 a 2016, na ocasião filiado ao PSD.  Nos anos seguintes Francisquinho também esteve como secretário municipal de saúde, com indicação da prefeita Maria José.

Francisquinho

Francisquinho demonstrou confiança na viabilidade da chapa governista, levando em consideração que o bloco situacionista tem seis dos nove vereadores eleitos para o quadriênio 2021 / 2024.

“A chapa governista para a mesa diretora da câmara está formada sob consenso. Estamos trabalhando a candidatura do Vinícius, juntamente com a maioria dos vereadores eleitos”, destacou o progressistas.

Prefeita Maria José

A prefeita reeleita Maria José (Progressistas), também foi ouvida sobre o processo de eleição para a mesa diretora da câmara municipal, biênio 2021/2022. De acordo com ela a gestão respeita as decisões dos parlamentares.

“A decisão em relação à composição da chapa para a mesa diretora do Legislativo municipal é dos vereadores da base. A autonomia é deles, estou sabendo da formação da chapa, fui comunicada, aprovo mas sem interferência”. Pontuou Maria José.