Página Inicial / Notícia / Social

Entenda a campanha Sinal vermelho contra a violência doméstica

A campanha conscientiza sobre a importância de denunciar os casos de violência contra a mulher.

11/08/2020 - João Rodrigues

/ Foto: Reprodução

Por Paula Monise 

O Centro de referência da Assistência Social (CRAS) executa atividades referentes a campanha nacional “Sinal Vermelho” contra a violência doméstica.

Durante a pandemia, os casos de violência contra a mulher aumentaram 40%. Desta maneira, iniciada em junho de 2020, à campanha Sinal vermelho é voltada para as mulheres vítimas de violência doméstica.

As redes de farmácia de todo país estão aderindo a essa campanha, que tem como objetivo combater a violência doméstica e familiar por meio de denúncia: um X vermelho assinalado na palma da mão.

Assim, uma mulher que for vítima de violência pode marcar com batom ou outro material um X nas mãos e exibi-lo ao atendente farmacêutico. Este deverá acionar as autoridades competentes imediatamente.

De acordo com o art. 5º da Lei Maria da Penha, violência doméstica e familiar contra a mulher é “qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral ou patrimonial.

Através da campanha o CRAS de Santana buscará compartilhar informações relevantes sobre a violência doméstica e conscientizar a população local sobre a importância da denúncia.

Ações

Nesta segunda-feira (10) a Secretaria Municipal de Assistência Social ofertou para os profissionais do setor uma capacitação sobre violência doméstica neste período de pandemia.

A capacitação foi ministrada pelo advogado Wilson Rocha que explanou de forma primorosa violência contra crianças e adolescentes, contra o idoso e as mulheres.

Fonte: ASCOM