Página Inicial / Notícia / Economia

SANTANA | Coordenação geral do Garantia-Safra esclarece que falhas operacionais atrasaram pagamento de benefício aos agricultores

Os agricultores beneficiados com recursos do Garantia-Safra 2017/2018 ainda não receberam pagamento da parcela no mês de novembro de 2019. O motivo: falhas operacionais na geração da folha de pagamento que atingiram benefic

20/11/2019 - João Rodrigues

/ Foto: João Rodrigues

Os agricultores beneficiados com recursos do Garantia-Safra 2017/2018 ainda não receberam pagamento da parcela no mês de novembro de 2019. O motivo: falhas operacionais na geração da folha de pagamento que atingiram beneficiários de 24 municípios piauienses, entre eles, Santana do Piauí.

Por meio de nota explicativa, a Coordenação Geral do Garantia-Safra informou que uma funcionalidade no sistema não foi executada inativando os municípios que receberam parcela ainda no mês de outubro de 2019. Em razão da falha operacional, a segunda parcela a ser paga em novembro não foi creditada na conta dos agricultores assistidos através do programa.

Diante do problema, a Coordenação Geral do Garantia-Safra vai disponibilizar o saldo da parcela do mês de novembro em dezembro de 2019, onde serão disponibilizadas duas parcelas no referido período.

O secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Santana do Piauí, Francisco de Moura Sobrinho, ressaltou que a pasta tem prestado as devidas orientações aos agricultores.

“Assim que fomos informados do atraso pelos agricultores já procuramos saber a motivação para oferecer as informações corretas. A prefeita Maria José buscou a Associação Piauiense de Municípios de onde obtivemos a informação que ocorreu a falha no sistema, no âmbito nacional, onde o município não tem qualquer acesso. De mãos das informamos  estão transmitindo aos agricultores que em dezembro o recurso estará nas contas. Reforço que a nossa secretaria e a prefeita Maria José estão acompanhando de perto todo o processo”, frisou o secretário.

No Piauí, os municípios afetados foram Acauã, Anísio de Abreu, Betânia do Piauí, Capitão Gervásio Oliveira, Caridade do Piauí, Cristalândia do Piauí, Curral Novo do Piauí, Dom Inocêncio, Isaías Coelho, Jacobina do Piauí, João Costa, Jurema, Lagoa do Sitio, Paulistana, Pio IX, Queimada Nova, Santana do Piauí, São Braz do Piauí, São João do Piauí, São Lourenço do Piauí, São Raimundo Nonato, Tamboril do Piauí, Várzea Branca e Wall Ferraz.

Fonte: Ascom / Santana do Piauí