Página Inicial / Notícia / Religião

Lagoa dos Marcelino celebra 36ª festa de seu Padroeiro; veja as imagens

Com o tema: ?São Marcelino, os sacramentos nos comprometem com a missão?, a comunidade Lagoa dos Marcelino, Área Pastoral São Pedro, Santana do Piauí, celebrou de 31 de Maio a 09 de Junho, a 36ª festa de seu pa

10/06/2019 - João Rodrigues

São Marcelino, Padroeiro da comunidade Lagoa dos Marcelino / Foto: Paula Monise

Com o tema: “São Marcelino, os sacramentos nos comprometem com a missão”, a comunidade Lagoa dos Marcelino, Área Pastoral São Pedro, Santana do Piauí, celebrou de 31 de Maio a 09 de Junho, a 36ª festa de seu padroeiro, São Marcelino. Nesse período ocorreram alvorada festiva, terço, novena-Missa, quermesse e Leilão.

A Missa solene da festa em honra a São Marcelino, aconteceu às 16h deste Domingo (09), e foi presidida pelo Pe. José Mairton, responsável pelas áreas pastorais de Santana e São José do Piauí.

Além da Santa Missa, também houve procissão com a imagem do Padroeiro, percorrendo as principais ruas do povoado.

A tradicional festividade religiosa em honra a São Marcelino, mais uma vez contou com a participação de comunidades vizinhas e centenas de devotos e devotas do Santo Padroeiro de toda a região, além de filhos da terra que moram em outras regiões do Estado e até do país.

De acordo com a equipe coordenadora do festejo, em 2019 se celebra 36 anos de bênçãos derramadas sobre a comunidade, por intercessão de São Marcelino. Sendo que o 36º festejo foi norteado pelos sacramentos da igreja, daí o tema: “São Marcelino, os sacramentos nos comprometem com a missão”.

Um pouco de História

Segundo o professor e pesquisador Washington de Moura Rodrigues, as celebrações religiosas, antes da edificação do templo dedicado a São Marcelino, eram realizadas na Unidade Escolar Moura Rodrigues. Segundo ele os primeiros Padres a darem assistência pastoral à comunidade foram: Padres Nicolau e Mário.

“A construção do templo na comunidade teve início em 1982 sendo concluída no ano seguinte”. Destacou Washington.

Conforme o pesquisador, antes da escolha de São Marcelino como padroeiro da comunidade, São José, São Sebastião e Santo Antônio foram cogitados para o posto.

“A sugestão de eleger São Marcelino como padroeiro partiu do Pe. Mário e logo foi acatada pela comunidade, pois a escolha homenageava o primeiro habitante local conhecido por Marcelino”. Destacou o professor.

Washington Rodrigues destacou ainda que a imagem de São Marcelino chegou à comunidade em 1º de junho de 1983, sendo benzida e entronizada, no dia seguinte, pelo Pe. Alfredo, hoje bispo da Diocese de Parnaíba.

 

Fotos: Jornalista Paula Monise